Submissões

Submissões Online

Já possui um login/senha de acesso à revista Jornal de Ciências da Saúde do Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí?
Acesso

Não tem login/senha?
Acesse a página de cadastro

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso.

 

Diretrizes para Autores

POLÍTICA CONTRA PLÁGIO E MÁS-CONDUTAS EM PESQUISA

Informamos que os artigos publicados por esta revista devem estar em conformidade com as diretrizes do COPE (Committee on Publication Ethics), que visam incentivar a identificação de plágio, más práticas, fraudes, possíveis violações de ética e abertura de processos, indicamos:

1. Os autores devem visitar o website do COPE http://publicationethics.org, que contém informações para autores e editores sobre a ética em pesquisa;

2. Antes da submissão, os autores devem seguir os seguintes critérios:

- artigos que contenham aquisição de dados ou análise e interpretação de dados de outras publicações devem referenciá-las de maneira explícita;

- na redação de artigos que contenham uma revisão crítica do conteúdo intelectual de outros autores, estes deverão ser devidamente citados;

- todos os autores devem atender os critérios de autoria inédita do artigo e nenhum dos pesquisadores envolvidos na pesquisa poderá ser omitido da lista de autores;

- a aprovação final do artigo será feita pelos editores e corpo editorial.

3. Para responder aos critérios, serão realizados os seguintes procedimentos:

a) Os editores avaliarão os manuscritos pelo site DocxWeb logo após a submissão;

b) Com os resultados, os editores e corpo editorial decidirão se o manuscrito será enviado para revisão por pares que também realizarão avaliações;

c) Após o aceite e antes da publicação, os artigos poderão ser avaliados novamente.

 

Normas para Publicações

 

Informações Gerais

O Jornal de Ciências e Saúde – JCS, órgão cientifico do HU-UFPI, destina-se a publicação da produção técnico-científica relacionada à área da saúde e ciências afins. O JCS, aceita para publicação, manuscritos nas línguas portuguesa, inglesa e espanhola.

Os manuscritos deverão ser apresentados exclusivamente ao Jornal de Ciências e Saúde – JCS, não sendo permitida sua apresentação simultânea a outro periódico, tanto no que se refere ao texto, como figuras ou tabelas, quer na íntegra ou parcialmente, sendo vedada a reprodução ou tradução parcial ou total dos mesmos, excetuando-se resumos ou relatórios preliminares publicados em Anais de Reuniões Científicas.  Entretanto, os conteúdos presentes nos textos serão de total responsabilidade dos autores, cabendo a estes responder pelos mesmos.

A publicação de artigos originais, com resultados de pesquisas envolvendo seres humanos, deverá indicar no texto e anexar no sistema de submissão online a cópia do documento de aprovação por um Comitê de Ética em Pesquisa, credenciado pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP), ou órgão equivalente no país de origem da pesquisa; bem como o processo de obtenção do consentimento livre e esclarecido dos participantes (Resolução 466/12 do Conselho Nacional de Saúde).

Submissão dos manuscritos

O processo de submissão é online, a partir da página: http://www.ojs.ufpi.br/index.php/rehu/about/submissions#onlineSubmissions .

Sugere-se a realização da leitura atentiva às normas em: http://www.ojs.ufpi.br/index.php/rehu/about/editorialPolicies#custom-0, bem como o Tutorial para autores: http://seer.ibict.br/images/stories/file/tutoriais/tutorial_de_submissao_de_artigos.pdf .

Seções da publicação

A Revista classifica os artigos de acordo com as seguintes seções:

1. Editorial – responsabilidade do(s) editor(es). Limitado a 02 laudas.

2. Originais - resultado de pesquisa de natureza empírica, experimental ou conceitual, com resultados inéditos e que agreguem valores à área da saúde. São também considerados originais as pesquisas de metodologia qualitativa. Limitado a 15 laudas. Sua estrutura deve conter:

- Introdução/ Considerações Iniciais: apresentação e delimitação breve e clara do assunto tratado. Deve apresentar os objetivos da pesquisa, as lacunas do conhecimento e outros elementos necessários para situar o tema do trabalho.

- Metodologia: descrição completa dos procedimentos metodológicos que permitam viabilizar o alcance dos objetivos. Devem ser apresentados: tipo de pesquisa, dados sobre o local onde foi realizada a pesquisa, população estudada, critérios de inclusão e/ou exclusão, tipo de amostra, variáveis selecionadas, período da coleta, técnicas e métodos adotados para a coleta de dados, incluindo os de natureza estatística e os procedimentos éticos seguidos, com número de Parecer do Comitê de Ética em Pesquisa ou autorização de órgão equivalente no país de origem da pesquisa.

- Resultados: devem ser limitados a descrever os resultados encontrados, sem interpretações, comparações ou comentários pessoais. Para facilitar a compreensão, pode ser acompanhado por gráficos, tabelas, figuras, fotografias etc. Para artigos quantitativos é necessário apresentar os resultados separados da discussão.

- Discussão: deve restringir-se aos dados obtidos e as conclusões que advêm deles, enfatizando os novos e importantes aspectos observados e discutindo as concordâncias e divergências com outras pesquisas já publicadas.

- Conclusões/ Considerações Finais: corresponde ao alcance dos objetivos ou hipóteses de maneira lógica, clara e concisa, fundamentada nos resultados e discussão, coerente com o título, proposição e método.

3. Revisão

-Revisão sistemática: método de pesquisa amplo, conduzido por meio da síntese de resultados de estudos originais, quantitativos ou qualitativos objetivando responder uma pergunta específica e de relevância para a área da saúde e ciências afins. Limitado a 10 laudas.

-Revisão integrativa: método de pesquisa que apresenta a síntese de múltiplos estudos publicados e possibilita conclusões gerais a respeito de uma área específica de estudo. Limitado a 10 páginas.

4. Relato de experiência - descrições de experiências acadêmicas, assistenciais e de extensão, estudo de caso, contendo análise de implicações conceituais, ou descrição de procedimentos com estratégias de intervenção, evidência metodológica apropriada de avaliação de eficácia, de interesse para a atuação dos profissionais da área da saúde em diferentes áreas. Limitado a 10 laudas.

5. Reflexão – consideração teórica e crítica sobre a prática em saúde. Limitado a 10 laudas.

6. Atualização - destinados a abordar informações atuais sobre temas de interesse da área, e potencialmente investigativos. Limitado a 05 laudas.

Apresentação dos manuscritos

Forma e apresentação dos manuscritos

O manuscrito submetido deverá ser original, inédito e destinar-se exclusivamente ao Jornal de Ciências e Saúde – JCS. Recomenda-se que os trabalhos sigam as orientações descritas detalhadamente a seguir:

Preparo dos manuscritos

Os textos devem ser digitados usando-se o processador Microsoft Word com a seguinte configuração de página: papel tamanho A4, margens 2,5cm, fonte arial, tamanho 12, espaço entrelinhas de 1,5 em todo o texto, com numeração das páginas no canto superior direito iniciando na folha de introdução.

Folha de rosto: deve conter o título pleno do trabalho (máximo de 15 palavras) em português, inglês e espanhol.  Evitar siglas, elementos institucionais e de universo geográfico. Abaixo do título, informe o nome(s) completo(s) e sem abreviação(s) do(s) autor(es) – máximo de 06 autores, seguido por texto sequencial e justificado indicando a formação profissional, principal titulação, instituição a qual pertence(m), endereço (cidade, estado e país) e e-mail. Em seguida, indicar o nome do autor responsável, apresentando endereço completo para correspondência, telefone para contato, e-mail; seguido da instituição de origem (apenas nome e cidade). Recomenda-se que não seja utilizado endereço residencial, já que o mesmo ficará disponível na Internet. Se o manuscrito for baseado em tese ou dissertação, indicar o título, ano e instituição onde foi apresentada.

A seguir deve ser apresentado o resumo, composto por 150 a 250 palavras, do tipo estruturado, em português (RESUMO), inglês (ABSTRACT) e espanhol (RESUMÉN), com letras maiúsculas, em negrito. Sequenciar o resumo por OBJETIVO, METODOLOGIA, RESULTADOS, CONCLUSÃO/CONSIDERAÇÕES FINAIS. O texto dos resumos deve ser justificado, com espaçamento simples. Após o texto do resumo colocar entre 03 a 05 descritores cadastrados no Descritores em Ciências da Saúde (http://decs.bvs.br).

Corpo do texto

Os artigos originais deverão apresentar obrigatoriamente, em letra maiúscula e negrito os seguintes itens: INTRODUÇÃO/ CONSIDERAÇÕES INICIAIS, finalizando com os objetivos; METODOLOGIA; RESULTADOS; DISCUSSÃO, CONCLUSÃO/ CONSIDERAÇÕES FINAIS, REFERÊNCIAS, de forma contínua. Para pesquisas de abordagem quantitativas apresentar a Discussão separada dos Resultados. Na existência de seções secundárias, apresentá-las com letra minúscula, em negrito.

Citações

Deve ser utilizado o sistema numérico na identificação dos autores mencionados, de acordo com a ordem em que forem citados no texto. Os números que identificam os autores devem ser indicados sobrescritos e entre parênteses. Se forem sequenciais, deverão ser indicados o primeiro e o último, separados por hífen, ex.: (1-4) ; quando intercalados, os números deverão ser separados por vírgula, ex.: (1-2,4).

A transcrição "ipsis literes" de citações deve atender aos seguintes critérios: (a) até três linhas de citação, usar aspas na sequência do texto normal; (b) mais de três linhas de citação, destacá-la em nova linha, em bloco próprio distinto do texto normal, sem aspas, com espaço simples, fonte de tamanho menor, em itálico, observando recuo na altura do parágrafo. Não devem ser introduzidas notas de rodapé.

Depoimentos - frases ou parágrafos ditos pelos sujeitos da pesquisa devem seguir a mesma regra de citações direta, quanto a aspas e recuo, e com sua identificação codificada a critério do autor, entre parênteses, sem grifo.

Ilustrações (máximo de 05)

O material ilustrativo do Jornal de Ciências e Saúde – JCS compreende tabelas (elementos demonstrativos como números, medidas, percentagens, etc), quadros (elementos demonstrativos com informações textuais), gráficos (demonstração esquemática de um fato e duas variações), figuras (demonstração esquemática de informações por meio de mapas, diagramas, fluxogramas, como também por meio de desenhos ou fotografias).

O número de material ilustrativo deve ser de, no máximo, cinco por artigo. Todo material ilustrativo deve ser numerado consecutivamente com algarismos arábicos, na ordem em que forem citadas no texto, com suas respectivas legendas e fontes, e a cada um deve ser atribuído um breve título, em letra minúscula, espaço simples e sem grifo. Quando forem extraídas de outro trabalho, a fonte original deve ser mencionada logo abaixo da mesma.

Todas as ilustrações devem ser citadas no texto. As tabelas, quadros e gráficos devem ser confeccionados no mesmo programa utilizado na confecção do artigo (Word) e inseridas no texto.

Fotos encaminhadas obrigatoriamente em arquivos de software com extensão JPG. Para "escanear" as figuras e/ou fotos, selecionar 300 dpi de resolução. Carecem de autorizações para reprodução ilustrações que podem identificar sujeitos.

Referências - deverão ser reunidas no final do trabalho, citadas somente as obras utilizadas no texto, em ordem numérica, e ordenadas segundo a sequência de aparecimento (Estilo Vancouver), identificadas pelos algarismos arábicos respectivos sobrescritos. Obedecer aos critérios do Comitê Internacional de Editores de Revistas Médicas ― Estilo Vancouver: http://www.nlm.nih.gov/bsd/uniform_requirements.html

Notas: Pela norma de Vancouver os títulos de periódicos são abreviados conforme aparecem na base de dados PubMed, da US National Library of Medicine, que pode ser consultada na página Journals in NCBI Databases - http://www.ncbi.nlm.nih.gov/nlmcatalog/journals.

Apêndices e anexos - devem ser evitados, conforme indicação da norma NBR 6022.

Agradecimentos - devem ser apresentadas em número reduzido após as referências, apenas nos casos imprescindíveis.

Errata- após a publicação do artigo, se os autores identificarem a necessidade de uma errata, deverão enviá-la à Secretaria da Revista imediatamente e de preferência por e-mail biblioteca.hupi@ebserh.gov.br .

Exemplos de como citar referências

Artigos em periódicos

1. Artigo padrão

Inclua até 6 autores, se exceder a esse número colocar a expressão et al.

Ceccarelli F, Barberi S, Pontesilli A, Zancla S, Ranieri E. Ovarian carcinoma presenting with axillary lymph node metastasis: a case report. Eur J Gynaecol Oncol. 2011;32(2):237-9.

Andrade ALSS, Almeida e Silva S, Martelli CM, Oliveira RM, Morais Neto OL, Siqueira Júnior JB, et al. Population-based surveillance of pediatric pneumonia: use of spatial analysis in an urban area of Central Brazil. Cad Saúde Pública. 2004;20(2):411-21.

2. Instituição como autor

Organização Mundial da Saúde. Cid-10: Classificação estatística internacional de doenças e problemas relacionados à saúde. 7. ed. São Paulo: EDUSP; 2004.3v.

Organização Pan-Americana da Saúde. Doenças crônico-degenerativas e obesidade: estratégia mundial sobre alimentação saudável, atividade física e saúde. Brasília (DF); 2003.

Ministério da Saúde (BR). Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância Epidemiológica. Guia Vigilância Epidemiológica. 7a ed. Brasília: Ministério da Saúde; 2009.

Sociedade Brasileira de Cardiologia. VI Diretrizes brasileiras de hipertensão. Arq Bras Cardiol. 2010;95(1 supl 1):1-51

Livros e outras monografias

3.Indivíduo como autor

Baggish MS, Karram MM. Atlas of pelvic anatomy and gynecologic surgery. 4nd ed. Philadelphia: WB Saunders; 2016.

4. Editor(es), organizador(es), coordenador(es), entre outros com o autor

Silva AC, Carvalho HMB, Campos JS, Sampaio TC, coordenadores. Livro do médico de família. Fortaleza: Faculdade Christus; 2008. 558 p.

5. Capítulo de livro

Silva Filho AR, Leitão AMR, Barreto JA, Freire TL. Anatomia aplicada ao exame ginecológico. In: Magalhães MLC, Medeiros FC, Pinheiro LS, Valente PV, coordenadores. Ginecologia baseada em problemas. Fortaleza: Faculdade Christus; 2011. p. 23-34.

6. Teses, dissertações e monografias

Rotta CSG. Utilização de indicadores de desempenho hospitalar como instrumento gerencial [tese]. São Paulo: Faculdade de Saúde Pública da USP; 2004.

7. Resumos em Anais de Congressos

Padilha W. Educação popular e atenção à saúde. In: Anais do 1. Seminário sobre a Política Nacional de Promoção da Saúde; 4-6 dez 2006; Brasília. Brasília (DF): Ministério da Saúde (BR); 2009. p. 58-60.

Material eletrônico

8. Artigo em formato eletrônico

Carvalho MLO, Pirotta KCM, Schor N. Participação masculina na contracepção pela ótica feminina. Rev Saúde Pública [internet]. 2001 [acesso em 25 jul 2004];35:23-31. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php? script=sci_arttext&pid=S0034 -9102001000100004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

9. Web site ou Homepage

World Health Organization [internet]. Geneva; c2014 [acesso em 15 out 2014]. Disponível em: http://www.who.int

A exatidão das referências é de responsabilidade dos autores.

  • Não utilizar referências de site não científico.
  • Evitar referenciar livros, capítulos de livros, teses e dissertações. No caso de teses e dissertações utilizar artigos científicos oriundos das mesmas.
  • Optar por artigos publicados dos últimos cinco anos, em periódicos científicos nacionais e internacionais.

Os nomes das revistas devem ser abreviados de acordo com a própria revista, no endereço: http://www.nlm.nih.gov/tsd/serials/lji.html ou no site: http://portal.revistas.bvs.br para revistas latino-americanas.

 

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  1. A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  2. O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF.
  3. URLs para as referências foram informadas quando possível.
  4. O texto está em espaço simples; usa uma fonte de 12-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  5. O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista.
  6. Em caso de submissão a uma seção com avaliação pelos pares (ex.: artigos), as instruções disponíveis em Assegurando a avaliação pelos pares cega foram seguidas.
 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.