Factors associated with suicide idea in adolescence: an integrative review / Fatores associados à ideação suicida na adolescência: uma revisão integrativa / Factores asociados a la ideação suicida en la adolescencia...

Arielly Tamara Medeiros Nava, Hariane Freitas Rocha Almeida, Rafael Mondego Fontenele, Aline Sharlon Maciel Batista Ramos, Denise Carneiro Machado Cortez, Mayara Moura Luz Monteiro

Resumo


Objetivo: descrever os fatores associados à ideação suicida na adolescência. Metodologia: trata-se de um estudo de revisão integrativa da literatura, com caráter descritivo, realizado no período de setembro e outubro de 2018, utilizando as seguintes bases de dados: Literatura Latino-Americana em Ciências de Saúde (LILACS), Scientific Electronic Library Online (Scielo) e Portal de Periódicos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), incluindo artigos com texto completo disponível eletronicamente e de forma gratuita, redigidos no idioma português, publicados no recorte temporal entre 2008 a 2018. Resultados: os fatores associados à ideação suicida encontrados nos estudos incluem características sociodemográficas, transtornos psiquiátricos, características pessoais e familiares, e problemas comportamentais do próprio adolescente e dos amigos. Conclusão: conclui-se que a questão do suicídio é uma problemática de saúde pública e que necessita de abordagens específicas para a prevenção e de atenção relativa à ideação suicida, de modo a evitar a consumação do ato.

Descritores: Adolescente. Ideação Suicida. Suicídio.


Texto completo:

PDF

Referências


Who. World Health Organization. First WHO report on suicide prevention [Internet]. Geneva: 2014. [Acesso em: 30 set. 2018]. Disponível em: https://www.who.int/mediacentre/news/releases/2014/suicide-prevention-report/en/.

Sampaio D, Telles-Correia D. Suicídio nos mais velhos: fundamental não esquecer. Acta Médica Portuguesa, Lisboa [Internet] 2013 [Acesso em: 01 out. 2018]; 26(1):1-2. Disponível em: http://bibliobase.sermais.pt:8008/BiblioNET/Upload/PDF3/002254.pdf.

Ministério da Saúde (BR), Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Vigilância de Doenças e Agravos Não Transmissíveis e Promoção da Saúde. Saúde Brasil 2015/2016: Uma análise da situação de saúde e da epidemia pelo vírus Zika e por outras doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. [recurso eletrônico]. Brasília(DF): 2017, 7:157-182. [Acesso em: 30 set. 2018]. Disponível em: http://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2017/maio/12/2017-0135-vers-eletronica-final.pdf.

Ghoncheh R, Gould MS, Twisk JW, Kerkhof AJ, Koot HM. Efficacy of adolescent suicide prevention e-learning modules for gatekeepers: a randomized controlled trial. JMIR mental health, [Internet] 2016 Jan-Mar [Acesso em: 30 set. 2018]; 3(1): e8. Disponível em: https://doi.org/10.2196/mental.4614.

Bluth K, Blanton PW. Mindfulness and self-compassion: exploring pathways to adolescent emotional well-being. Journal of child and family studies, [Internet] 2014 [Acesso em: 03 out. 2018]; 23(7): 1298-309. Disponível em: http://doi.org/10.1007/s10826-013-9830-2.

Moreira LCO, Bastos PRHO. Prevalência e fatores associados à ideação suicida na adolescência: revisão de literatura. Psicologia Escolar e Educacional, [Internet] 2015 [Acesso em: 01 out. 2018]; 19(3), 445-53. Disponível em: https://dx.doi.org/10.1590/2175-3539/2015/0193857.

Trinco ME, Santos JC. O adolescente com alteração do comportamento no serviço de urgência: Estudo de um quadriénio. Revista Investigação em Enfermagem, Coimbra, [Internet] 2015 [Acesso em: 02 out. 2018]; 13(2). Disponível em: http://www.scielo.mec.pt/pdf/rpesm/nspe5/nspe5a11.pdf

Silva LLT, Alvim CGG, Costa CC, Ramos TM, Costa EE. O suicídio na adolescência nas publicações da enfermagem brasileira: revisão integrativa da literatura. R. Enferm. Cent. O. Min. [Internet] 2015 set/dez [Acesso em: 01 out. 2018]; 5(3):1871-84. Disponível em: http://dx.doi.org/10.19175/recom.v5i3.767.

Fernandes MA, Lima GA, Silva JS. Listening therapy as suicide prevention strategy: experience report. Rev Enferm UFPI [Internet]. 2018 Jan-Mar [Acesso em: 02 out. 2018]; 7(1):75-9. Disponível em: https://doi.org/10.26694/2238-7234.7175-79.

Soares CB, Hoga LAK, Peduzzi M, Sangaleti C, Yonekura T, Silva DRAD. Revisão integrativa: conceitos e métodos utilizados na enfermagem. Rev. esc. enferm. USP, São Paulo, [Internet] 2014 Apr. [Acesso em: 03 Out. 2018]; 48(2): 335-45. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0080-623420140000200020.

Borges VR, Werlang BSG, Copatti M. Ideação suicida em adolescentes de 13 a 17 anos. Barbarói, Santa Cruz do Sul [Internet]. 2008 jan.-jun. [Acesso em: 16 out. 2018.]; 28:109-23. Disponível em: http://dx.doi.org/10.17058/barbaroi.v0i0.192.

Baggio L, Palazzo LS, Aerts DRGC. Planejamento suicida entre adolescentes escolares: prevalência e fatores associados. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro [Internet]. 2009 jan. [Acesso em: 30 nov. 2018]; 25: 142-15. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2009000100015.

Souza LDM, Ores L, Oliveira GT, Cruzeiro ALS, Silva RA, Pinheiro RT et al. Ideação suicida na adolescência: prevalência e fatores associados. J. bras. psiquiatr., Rio de Janeiro [Internet]. 2010 [Acesso em: 30 nov. 2018.]; 59(4): 286-292. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0047-20852010000400004.

Araújo LC, Vieira KFL, Coutinho MPL. Ideação suicida na adolescência: um enfoque psicossociológico no contexto do ensino médio. Psico-USF, São Paulo [Internet]. 2010 jan.-abr. [Acesso em: 16 out. 2018]; 15(1): 47-57. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-82712010000100006.

Teixeira-Filho FS, Rondini CA. Ideações e tentativas de suicídio em adolescentes com práticas sexuais hetero e homoeróticas. Saude soc., São Paulo, Sept. [Internet]. 2012 [Acesso em: 16 out. 2018]; 21(3): 651-667. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-12902012000300011.

Ores LC, Quevedo LA, Jansen K, Carvalho AB, Cardoso TA, Souza LDM et al. Risco de suicídio e comportamentos de risco à saúde em jovens de 18 a 24 anos: um estudo descritivo. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro [Internet] 2012 Feb. [Acesso em: 16 out. 2018]; 28(2): 305-312. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2012000200009.

Azevedo A, Matos AP. Ideação suicida e sintomatologia depressiva em adolescentes. Psic., Saúde & Doenças, Lisboa [Internet]. 2014 mar. [Acesso em: 30 nov. 2018]; 15(1): 179-190. Disponível em: http://dx.doi.org/10.15309/14psd150115.

Alves Junior CAS, Nunes HEG, Gonçalves ECA, Silva DAS. Comportamentos suicidas em adolescentes do sul do Brasil: prevalência e características correlatas. Journal of Human Growth and Development [Internet]. 2016 [Acesso em: 16 out. 2018]; 26(1):88-94. Disponível em: http://dx.doi.org/10.7322/jhgd.113733.

Brás M, Jesus S, Carmo C. Fatores psicológicos de risco e protetores associados à ideação Suicida em Adolescentes. Psic., Saúde & Doenças, Lisboa [Internet]. 2016, set. [Acesso em: 16 out. 2018.

]; 17(2): 132-14. Disponível em: http://dx.doi.org/10.15309/16psd170203.

Claumann GS, Pinto AA, Silva DAS, Pelegrini A. Prevalência de pensamentos e comportamentos suicidas e associação com a insatisfação corporal em adolescentes. J. bras. psiquiatr., Rio de Janeiro, [Internet]. 2018 Mar. [Acesso em: 16 out. 2018]; 6(1): 3-9. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/0047-2085000000177.




DOI: https://doi.org/10.26694/2238-7234.8266-73

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



 

Indexado em:




Apoio: